A HISTÓRIA

O Setenta, S.A. foi constituída em 1975 por José Correia Fernandes. Na altura, o principal sócio fundador tinha já uma experiência de onze anos no sector, como empresário em nome individual. A experiência e o conhecimento que os clientes tinham da qualidade demonstrada e do serviço prestado por este, constituíram uma importante mais valia nos primeiros anos de atividade da empresa.

No final da década 70 princípio da década de 80, apesar da crise que o país atravessava O Setenta, S.A. revelava-se uma empresa em franco desenvolvimento, com três aumentos de capital sucessivos em 1978, 1982 e em 1993. A década de 80 traz à O Setenta, S.A., novos sócios e uma organização interna mais moderna e adaptada à nova realidade de um país e de uma região em crescimento.

Em 2001, o capital da empresa foi aumentado para 500.000 euros passando a sociedade anónima. A empresa consolidou-se a nível nacional como uma referência no sector da metalomecânica.

Na altura da grande crise económica que teve impacto mundial e um grave impacto na construção civil, O Setenta, S.A. debateu-se com graves problemas financeiros decorrentes de algumas insolvências das empresas dos seus principais clientes. No entanto, com perseverança e com um enorme sentido estratégico e de compromisso, a empresa conseguiu permanecer no mercado e manter todos os seus postos de trabalho. Houve mudanças organizacionais, foram encontrados novos métodos de forma a conseguir responder positivamente a essa crise.

Prova que a empresa conseguiu com sucesso ultrapassar todas as dificuldades sentidas naquela época, são os novos investimentos que está a realizar. Em 2019, a empresa candidatou-se com um projeto de investimento ao Programa do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, NORTE 2020, que se encontra aprovado e em curso. A empresa encontra-se numa fase de crescimento, fazendo um caminho de procura de evolução e inovação constante, de forma a responder aos desafios atuais do mercado. A evolução do valor global das vendas, o aumento progressivo do número de funcionários e o aumento dos equipamentos produtivos são prova da confiança que os clientes depositam na qualidade do trabalho d’ O Setenta.